Gringos Apostam Em Vitória de Bolsonaro – Análise do Goldman Sachs para o resultado das eleições brasileiras

Análise da equipe da Sax Research sobre o fluxo de opções do EWZ na tarde de sexta-feira, como o relatório das eleições do Goldman Sachs, mostrando detalhes favoráveis à reeleição de Bolsonaro.
bolsonaroxlulaeleicoes

29/10/2022 – 21:35h: Publiquei agora pouco no meu canal do Telegram (assim como a sequência de stories que fiz no Instagram ontem) algumas informações que mostram o mercado otimista com o resultado das eleições de amanhã. Mas vamos recapitular, inclusive deixar a leitura acessível para quem não é do mercado.

Nessa sexta-feira ocorreu o maior volume do ano no contrato que “replica” o Ibovespa na bolsa de Nova York, com o volume de opções de compra (calls) sendo 286% maior do que o volume de opções de venda (puts) no EWZ iShares MSCI Brazil ETF (“Ibov dolarizado”), que é o principal instrumento que os gringos usam para especular aqui no Brasil.

Com o petista sem um plano econômico definido, inclusive sem nomes para a pasta da economia, o mercado lá fora olha com desconfiança para a vitória de Lula. De acordo com relatório do Goldman Sachs (que eu publiquei anexado aqui neste artigo, lá no final), levando em consideração as principais pesquisas divulgadas, a diferença entre Lula e Bolsonaro está em 3,8% na média (conforme imagem abaixo), mas de apenas 0,4% na principal pesquisa adotada pelo banco (Paraná Pesquisas, a que mais se aproximou do resultado no primeiro turno), com o banco dizendo que a taxa de abstenção no 2° turno será maior e isso provavelmente dará a reeleição a Bolsonaro:

Conforme o Goldman escreve:

Altas taxas de abstenção favoreceriam teoricamente o presidente Bolsonaro: A taxa de abstenção tende a aumentar do primeiro turno para o segundo turno, embora isso possa não ser muito significativo desta vez, uma vez que no primeiro turno a taxa de abstenção já foi maior do que nas eleições anteriores, e a disputa é competitiva e muito polarizada. No primeiro turno de 2 de outubro, o índice de abstenção entre os eleitores do sexo masculino foi cerca de 2 pontos percentuais maior do que entre as votantes do sexo feminino, e as eleitores do sexo feminino têm se inclinado a favor do ex-presidente Lula. Por outro lado, o índice de abstenção dos eleitores analfabetos ou com apenas o ensino fundamental, que historicamente se inclinaram por uma margem significativa para o PT, é tradicionalmente muito maior do que para aqueles com níveis de escolaridade mais elevados. No geral, de acordo com analistas políticos locais, uma taxa de abstenção mais alta favoreceria comparativamente o presidente Bolsonaro. Por fim, a atuação no debate de 28 de outubro na maior rede de televisão do país, apela aos 20,9% dos eleitores que se abstiveram no primeiro turno (e 4% cujos votos foram em branco/nulos) e aos 8,4% dos eleitores que escolheram outros candidatos, e o jogo de chão no dia da eleição provavelmente determinará o resultado da eleição presidencial.

Agora os detalhes técnicos para os traders e gestores: O volume de calls foi 286% maior do que o volume de puts no EWZ iShares MSCI Brazil ETF (“Ibov dolarizado”):

Na sexta-feira, 28/10/22, o volume total de opções no EWZ

A posição foi sendo montado durante o dia inteiro, com o strike mais procurando sendo o de preço 34,00, no vencimento de 04/11:

Abaixo o Open Interest no contrato de 04/10 com destaque para o volume de contratos no strike 34

Segue PDF abaixo com análise completa do Goldman Sachs (autoria de Alberto Ramos, analista de Economia da América Latina do GS) em inglês e em PT-BR (tradução automática do Google)

Latin America Economics Ana… by Wyllian Capucci

2- PT-BR

Latin America Economics Ana… by Wyllian Capucci

Para receber mais conteúdos como este, se inscreva no nosso Canal do Telegram.

Últimas notícias

Destaques