Preço de uma hipoteca popular nos EUA é o maior em 21 anos

As taxas do produto de hipoteca mais popular dos EUA atingiram a marca mais alta desde 2001, de acordo com dados de quarta-feira da Mortgage Bankers Association.

De acordo com dadosAs taxas de hipotecas populares nos EUA atingiram a marca mais alta desde 2001, de acordo com dados de quarta-feira da Mortgage Bankers Association.

Os contratos de hipoteca fixa de 30 anos subiram 22 pontos base, indo para 7,16% na semana passada. Esse foi o seu 10º declínio em 11 semanas.

Espera-se que os aumentos agressivos das taxas de juros do Federal Reserve continuem sendo debatidos. Traders apostam em outro aumento de 75 pontos base. O mercado imobiliário é particularmente sensível aos ajustes de política do banco central. O setor tropeçou em 2022, já que as taxas de hipotecas dobraram desde o início do ano, devido às manobras do Fed para domar a inflação.

Na terça-feira, dados do S&P CoreLogic Case-Shiller Index revelaram que os preços em 20 cidades dos EUA caíram 1,3% em agosto. É a queda mais acentuada desde março de 2009. Esse é um dado que ilustra a desaceleração do mercado imobiliário dos EUA.

Segundo Bill Adams, economista-chefe da Comerica, uma correção imobiliária já está em andamento.

Em uma nota, ele previu que o investimento residencial cairá 18% e as vendas de novas casas cairão 25% em 2023. Adams afirmou que tudo isso, ocorre quando o Fed força o mercado imobiliário a passar por uma queda acentuada.

A confiança do consumidor também continua declinando. Isso ocorre por conta dos aumentos das taxas do Fed e da inflação persistente.

“Com menos americanos se mudando, as vendas de bens duráveis ​​domésticos também diminuirão, mais um vento contrário à economia”, escreveu Adams.

Nós da Sax esperamos que essa alta no preço da hipoteca não continue por muito tempo. Assim, muitas pessoas não seriam prejudicadas.

Para receber mais conteúdos como este, se inscreva no nosso Canal do Telegram.

Últimas notícias