Frota secreta de navios moverá o petróleo russo

Uma frota crescente de navios pode ajudar a Rússia a contornar as próximas sanções que visam os fluxos de petróleo bruto, de acordo com um relatório.

De acordo com relatório, uma frota crescente de navios pode ajudar a Rússia a contornar as próximas sanções. Elas visam os fluxos de petróleo bruto.

O relatório diz que, à medida que as sanções da UE, que proíbem o seguro de navios-tanque que transportam petróleo russo, entram em vigor, o Kremlin poderá manter seu petróleo no mercado. O relatório afirmou que isso ocorre graças à ajuda de organizações dispostas a fazer negócios com Moscou. Para que o petróleo russo continue fluindo, será necessário uma rede complexa.

Os proprietários de petroleiros citados pela Bloomberg afirmam que dados recentes, que examinam a venda de navios e grandes petroleiros, dão credibilidade à noção de que tal frota está sendo acumulada. Isso também será necessário para manter o fluxo de petróleo russo.

As sanções da UE entram em vigor no dia 5 de dezembro, enquanto os EUA trabalham para limitar os preços do petróleo russo. Assim que as sanções começarem, grande parte do mercado russo de petróleo estará fora da mesa, devido às dificuldades de navegação nos mares europeus. a Ásia continuará sendo um dos principais destinos do petróleo russo.

Também à disposição do Kremlin, estarão as transferências de navio para navio, uma prática que fará com que a Rússia disfarçe de onde vem o petróleo bruto.

Para receber mais conteúdos como este, se inscreva no nosso Canal do Telegram.

Últimas notícias

Destaques