Jeff Bezos alerta que EUA podem entrar em recessão

Jeff Bezos alertou que a economia dos EUA pode estar caminhando para uma recessão e recomendou que os americanos se preparem para uma crise dolorosa.

Jeff Bezos alertou que a economia dos EUA pode estar caminhando para uma recessão e recomendou que os americanos se preparem para uma crise dolorosa.

O bilionário fundador e presidente executivo da Amazon retweetou um clipe da CNBC do CEO da Goldman Sachs, David Solomon, na terça-feira. Nele, o presidente do banco aconselhou os empresários a serem cautelosos e se prepararem para mais volatilidade no mercado à medida que a retração econ aumentam.

“Na distribuição dos resultados, há uma boa chance de termos uma recessão nos Estados Unidos”, disse Solomon.

“Sim, as probabilidades nesta economia dizem para você fechar as escotilhas”, twittou Bezos em resposta.

Os temores de recessão aumentaram nos últimos meses, em parte porque o Federal Reserve está tentando ativamente esfriar a economia dos EUA. A meta do banco central é reduzir a inflação, que atingiu a máxima de 9,1% em junho e permaneceu acima de 8% em setembro. O maior aumento em 40 anos.

O Banco elevou as taxas de juros, de praticamente zero em março, para uma faixa de 3% e 3,25% hoje, e sinalizam que podem se aproximar de 5% no próximo ano. Taxas mais altas incentivam os consumidores a pouparem em vez de gastar ou investir e tornam os empréstimos mais caros. Isso normalmente reduz a demanda agregada e alivia a pressão de alta sobre os preços.

Os principais investidores, executivos, acadêmicos e analistas também soaram o alarme sobre uma possível recessão global. Eles citam uma série de riscos, incluindo o aumento da dívida pública e privada, bem como a invasão da Ucrânia pela Rússia, situação que continua a perturbar os mercados de alimentos, combustíveis e commodities.

Bezos está bem posicionado para comentar sobre a economia dos EUA. A Amazon é um dos maiores empregadores do país, com 1,5 milhão de trabalhadores em período integral e meio período. A varejista online e titã de armazenamento em nuvem também comanda um mercado de US$ 1,2 trilhão em capitalização e gerou US$ 470 bilhões em vendas líquidas em 2021. A empresa é uma participante importante no mercado de ações e na economia.

O CEO da Amazon, Andy Jassy, ​​que tomou as rédeas da empresa de Bezos no verão passado, parece compartilhar as preocupações de seu antecessor. A Amazon vem cortando custos , diminuindo gastos e congelando contratações para certas funções nos últimos meses, sugerindo que espera um cenário econômico mais difícil.

Para receber mais conteúdos como este, se inscreva no nosso Canal do Telegram.

Últimas notícias